2

Vestiário do Corinthians após eliminação teve clima de velório e discurso de veteranos

O clima dentro do vestiário do Corinthians após a eliminação da Copa do Brasil diante do Internacional era de velório. Cabisbaixos, os jogadores mais jovens do elenco ficaram desolados com a eliminação. Porém, num determinado momento o técnico Fábio Carille e os jogadores veteranos resolveram mudar aquela cena.

Com discursos direcionados à Maycon e Guilherme Arana, responsáveis por desperdiçar suas cobranças nas penalidades, jogadores como Fagner, Jô e Jadson tomaram a palavra. O lateral-direito lembrou que o futebol é feito de derrotas e vitórias, e que os momentos de tristeza devem acabar no apito inicial da próxima partida. A dupla vinda da base foi lembrada que domingo tem decisão e que eliminações, pênaltis perdidos e derrotas fazem parte da vida.



Foto: Agência Corinthians

Houve, também, orientação para que a dupla não se escondesse dos jornalistas, coisa que não tinha acontecido, já que os dois se manifestaram após as cobranças perdidas.

Na coletiva após o jogo, Carille falou sobre a derrota. “Temos de aprender rapidamente. Não só eu, mas também os jogadores. Faz parte. A primeira coisa que falei aos garotos que perderam pênalti, dois garotos, Maycon e Arana. Nós erramos, não eles. O Corinthians saiu da Copa do Brasil, não eles. Amanhã ainda um pouquinho cabisbaixo, fomos para nove jogos sem perder, temos uma consistência legal e vantagem grande para domingo, mas temos de estar com a cabeça boa no sábado para fazer um bom jogo no domingo e passar para a final do Campeonato Paulista”, disse.
PC_300x250

COMPARTILHE A NOTÍCIA:

comentário(s) pelo facebook: