2

Maycon e Carille recusam deixar o Corinthians; direção agradece

Volante titular do Corinthians desde o inicio da temporada, o jovem Maycon, revelado nas categorias de base do clube alvinegro, não pretende deixar o Timão tão cedo. De acordo com uma reportagem do portal UOL Esporte publicada nesta segunda-feira, sondagens de equipes estrangeiras chegaram ao atleta e foram todas recusadas.

A publicação ainda afirma que nas últimas semanas, o Villarreal-ESP e equipes maiores do continente europeu que não tiveram os nomes revelados, sondaram o volante. A ideia do atleta, contudo, é se firmar ainda mais com a camisa corintiana. A multa rescisória dele é de 50 milhões de euros (R$ 185 milhões).

Além disso, o estafe de Maycon quer que o jogador faça mais gols. Na temporada, ele marcou quatro, mas tem treinado faltas e quer balançar mais vezes as redes para aumentar seu valor de mercado e se transferir para uma equipe de mais expressão na Europa.

"Só penso no Corinthians. Pretendo ficar aqui, terminar o ano bem, se possível com esse título brasileiro. Começar a carreira com dois títulos em um ano, tem a Sul-Americana também... Se vou embora ou não, não me interessa agora. Estou focado aqui e assim vou permanecer nesse ano", disse Maycon em coletiva no CT Joaquim Grava nesta segunda-feira.



O técnico Fábio Carille, em entrevista à Rádio Jovem Pan, nesta segunda-feira, também voltou a afirmar que não sai do Corinthians. Após falar mais uma vez da proposta milionária que recebeu da China nas últimas semanas, o comandante alvinegro cravou sua permanência no Timão.

"Não (houve mais propostas). Foi na semana do jogo contra o Grêmio, uma pessoa veio até São Paulo querendo me encontrar. Foi ali no Tatuapé, num hotel em frente ao Ceret. Fiquei com eles por volta de 20 minutos. Antes de encontrá-los eu procurei saber quem eram. Mas já cortei a conversa na hora, porque vieram com proposta para sair agora. Não sei que clube que era, só sei que era para a China", recordou.

"Sem chance de sair do Corinthians. De coração e por gratidão: eu só saio do Corinthians quando for mandado embora. Pode vir um caminhão de dinheiro, eu não saio. É um sonho trabalhar em uma equipe deste tamanho, e vou desfrutar dessa sonho até o fim", completou Carille.

Direção agradece
Tentando manter o elenco até o final de 2017, a diretoria do Corinthians vem conseguindo colocar a mentalidade de permanência até em atletas badalados pelo mercado estrangeiro, casos de Rodriguinho e principalmente Guilherme Arana, lateral que desperta interesse em clubes grandes ao redor do mundo. O presidente Roberto de Andrade quer manter o elenco e terminar o seu mandato - em fevereiro de 2018 -, mais uma vez como campeão Brasileiro.

Foto: Agência Corinthians


COMPARTILHE A NOTÍCIA:

comentário(s) pelo facebook: