Recuperado, Pablo manda recados pra Fiel e ao técnico Carille - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Recuperado, Pablo manda recados pra Fiel e ao técnico Carille

Foto: Bruno Cassucci | Globo Esporte

Entrevistado do dia no CT Joaquim Grava após treinar normalmente e aparecer pela primeira vez na equipe titular após lesão na coxa, o zagueiro Pablo falou, entre outras coisas, sobre uma possível permanência no Corinthians em 2018 e também sobre a próxima partida da equipe no Brasileirão, diante da Ponte Preta, domingo.

Questionado sobre a renovação de contrato com o Timão, Pablo preferiu desconversar sobre o assunto e projetou novos diálogos com a direção no fim da competição nacional.

"Isso a gente tem que pensar mais para frente. Penso no hoje, estou voltando agora depois de quatro jogos. Estamos em um campeonato disputado, difícil. Espero que se defina da melhor forma possível para os dois lados, mas vamos pensar nesse ano, concentrar 100% e esquecer de tudo que tem para acontecer até o fim do ano. O objetivo é ser campeão!", afirmou.

O defensor foi sabatinado por perguntas no mesmo sentindo na sequência e respondeu todas. Perguntado se o imbróglio que vive atualmente no clube o atrapalha dentro de campo, ele afirmou que 'não'.

"Por incrível que pareça, não. Sou um cara muito concentrado. Quando entro em campo, tento fazer com que nada me atrapalhe. Não vai ser um detalhe que vai tirar meu profissionalismo ou fazer com que eu não renda em campo. São quase oito meses de negociação, joguei vários jogos. Futebol é assim. No Corinthians é tudo em dobro", disse Pablo.



Criticado pela torcida corinthiana nas redes sociais por ainda não ter renovado contrato, Pablo também comentou sobre as mensagens negativas que vem recebendo nas redes sociais. O Timão, vale destacar, não pagou os 3 milhões de euros (R$ 11 milhões) pedidos pelo Bordeaux-FRA para liberar definitivamente Pablo ao clube brasileiro. Sendo assim, com contrato até dezembro desta temporada, o futuro do atleta segue indefinido.

"Se você for comparar a torcida do Corinthians... 500 mensagens perto de 30 milhões de torcedores não é nada. Encaro com naturalidade. Fica até estranho relacionar minha postura como atleta com isso, comparar minha lesão por não estar jogando. Mas no Corinthians a torcida é assim, a pressão é normal, tem que saber lidar com isso", analisou, antes de comentar se ficaria triste com uma possível saída. "São coisas do futebol. Às vezes a gente escolhe, outras não. Espero que isso não aconteça. Se acontecer, vai ficar um sentimento de tristeza. Estou identificado com o clube, com essa torcida maravilhosa, que tem pressão, mas também amor. Ficaria triste, mas futebol tem dessas", completou.

Por fim, Pablo respondeu quais são as chances dele ficar no Corinthians. Ele classificou como "enormes" as possibilidades. "A chance é enorme (de ficar), todo mundo sabe que eu quero ficar e voltamos a conversar, isso é importante", declarou.

Sobre o confronto diante da Ponte Preta, domingo, às 17h (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, Pablo se colocou à disposição de Fábio Carille.

"Se o Carille optar por mim, estou muito bem", afirmou.

Ao lado de Pablo na coletiva, o zagueiro Balbuena também comentou sobre uma possível renovação de contrato no Corinthians. Ele destacou, porém, o vínculo que têm com o clube até o final de 2018.

"Eu tenho contrato até o fim de 2018, não tem o que pensar. Nosso foco são nas oito finais, ninguém vai falar em outra coisa. Nossa concentração é só nisso agora", disse o paraguaio.

Com 59 pontos, o Corinthians é líder da competição nacional e tem seis pontos de vantagem para o vice-líder Palmeiras, e o terceiro colocado Santos.


COMPARTILHE A NOTÍCIA: