2

Flávio Adauto não é mais diretor de futebol do Corinthians

O clima político ferve dentro do Corinthians. Prova disso é a saída do diretor de futebol Flávio Adauto do cargo que ocupa atualmente. Em entrevista à Rádio Bandeirantes, o dirigente explicou porque se juntou ao presidenciável Paulo Garcia.

"O prazo de validade está encerrado, a gente veio com uma missão que, felizmente, foi coroada com êxito nos últimos 14 meses. Agora, para não criar uma animosidade e problemas, estou saindo e vou ser candidato a vice na chapa do Paulo Garcia. Saio com a missão cumprida. É seguir a vida e tentar elegê-lo presidente do Corinthians", declarou.



De acordo com o globoesporte.com, Roberto de Andrade não deve anunciar substitutos para o cargo de diretor, anteriormente ocupado por Flávio Adauto, e de diretor financeiro, vago após a saída de Emerson Piovezan, também integrante da Chapa de Paulo Garcia.

Alessandro Nunes, gerente de futebol e responsável pelas negociações que estão acontecendo no clube, segue no cargo. Em 2018, porém, não é certo a permanência do ex-lateral no Timão.



COMPARTILHE A NOTÍCIA: