2

Conselho do Corinthians veta Citadini em eleições presidenciais; entenda

O agora ex-candidato à presidência do Corinthians, Antônio Roque Citadini, foi impugnado na noite desta segunda-feira e não poderá concorrer às eleições presidenciais do próximo dia 3 de fevereiro.

Em carta assinada por Guilherme Strenger, presidente do conselho, o cartola não poderá concorrer às eleições por fazer parte do Tribunal de Contas do Estado. A função prevê impedimento em Citadini concorrer a cargos administrativos no clube.



O ex-presidenciável se manifestou e disse que não irá desistir da candidatura. Citadini alega que há jurisprudência ao seu lado, e que a Justiça vai definir os rumos das eleições.

Outro a ser impugnado foi Paulo Garcia, que admitiu publicamente ter realizado pagamentos para regularizar sócios inadimplentes. Havia a possibilidade de um terceiro candidato ser vetado do pleito, mas isso não aconteceu.

Divulgação


COMPARTILHE A NOTÍCIA: