Corinthians confirma busca por 9 e lateral, mas admite jogar sem centroavante - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Corinthians confirma busca por 9 e lateral, mas admite jogar sem centroavante

Diretor concedeu coletiva nesta quarta-feira | Foto: Marcelo Braga / Globo Esporte

O Corinthians segue em busca de um camisa 9 até a próxima sexta-feira, prazo final imposto pela direção para achar um centroavante. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira (21), o diretor Duílio Monteiro Alves falou sobre a busca por reforços.



Entre outras coisas, Duílio afirmou que a atual gestão tem trabalhado muito nos últimos 15 dias atrás de um centroavante. Um lateral-esquerdo, pedido de Carille, também é alvo da diretoria.

"A gente tem trabalhado muito forte nesses 15 dias atrás de um camisa 9, sabemos que é uma necessidade, e também para a lateral. Temos claro que o Juninho é um garoto, jogar no Corinthians não é fácil, é preciso paciência. O Fábio tenta encaixar as peças, muda a forma de jogar para termos alternativas na Libertadores e em jogos grandes. Trabalhamos para reforçar, mas com os pés no chão. Temos de ter responsabilidade. Trazer alguém que vai resolver. Existem apostas, jogadores novos que podem dar retorno. E tem posições que sabemos a necessidade, mas é preciso calma", declarou
o diretor.

"Está difícil. A gente tem trabalhado muito desde o ano passado, com Alessandro e Roberto. Tem pouco no mercado, não só no Brasil. Os que tem os valores são altos. Jogamos na América do Sul pagando salário de Europa. Temos que ter cuidado. Vamos trazer o jogador que resolva. As apostas já estão aqui. Para trazer alguém, é um que chegue e acrescente muito em qualidade, que a gente não tenha dúvida que vai chegar para resolver. Queremos diminuir a margem de erro", completou Duílio.

O diretor, contudo, elogiou as atuações do lateral Juninho Capixaba. Destaque do Bahia em 2017, o jogador não vem agradando Carille e a comissão técnica.

"Juninho é um ótimo jogador, tem nosso apoio, fez bons jogos. Estamos trabalhando. Sabemos que o prazo é curto, não vamos correr e fazer de qualquer forma", argumentou.




Perguntado sobre a possibilidade de não conseguir contratar um camisa 9, Duílio afirmou que conversas com Fábio Carille nesse sentido aconteceram. Existe a ideia de atuar sem um centroavante para o restante da temporada. Ele argumentou dizendo que o jovem Matheus Mathias é uma aposta ainda.

"A gente confia no elenco que a gente tem. Sabemos que podemos melhorar. É oportunidade de mercado e não vai ser o prazo que vai nos fazer contratar alguém que não temos certeza. Trabalhamos com o prazo de sexta-feira, mas com o nosso elenco, Fábio tem olhado possibilidades de jogar sem o nove, com o que temos aqui", revelou.

"Entra na situação do Juninho Capixaba, que jogou no Bahia na Serie A. Matheus é jovem, aposta, a gente vem trabalhando, preparando um time para três ou quatro anos, potencial grande. A gente tem que ter cuidado, tem 19 anos, não tem um ano de profissional. Chegar aqui não é fácil. Existe uma carência de centroavante, mas não podemos jogar o peso nele. Vai passar por algumas fases. Por ser que tenha surpresa, mas a ideia é ir devagar com ele. Porcentagem, a gente adquiriu 90% e o ABC de Natal ficou com 10%", finalizou Duílio.


COMPARTILHE A NOTÍCIA: