2

Primeiro nas penalidades contra o São Paulo, Vital fala e dá show de personalidade

Foto: SPFC

Contratado pelo Corinthians junto ao Vasco da Gama no inicio da temporada, o meia Matheus Vital se tornou titular da equipe alvinegra nos últimos jogos com a lesão do meia Jadson, e não vem decepcionando. Primeiro bater nas cobranças de pênaltis na decisão da semifinal do Paulistão 2018 diante do São Paulo, ele não só converteu a cobrança como mostrou enorme personalidade.



Perguntado se havia vivido a maior emoção da carreira na classificação heroica contra o rival do Morumbi, Vital confirmou e elogiou a torcida alvinegra, classificando a Fiel como 'maravilhosa'.

“Acho que sim (foi a maior emoção), essa torcida maravilhosa, estádio cheio, lotado, a gente fez um gol no finalzinho. A gente teve que ter a paciência, graças a Deus o gol veio no final e a vaga veio”, lembrou.

Sobre ter sido o primeiro a cobrar um pênalti na decisão diante do São Paulo, o meia afirmou que não existiu nervosismo pois sempre foi o batedor de pênaltis nas categorias de base do Vasco da Gama. Além disso, os treinamentos no Timão o ajudaram.

“Tem que estar preparado para bater, graças a Deus eu converti. Eu fiquei bem tranquilo, sempre bati pênalti, treino bastante no Corinthians, o professor pede para que a gente bata do jeito que treinamos”, disse o meia.

Neste sábado (31), diante do Palmeiras, o meia Mateus Vital deve ser novamente titular do meio-campo alvinegro. O camisa 10 e titular da posição, recuperado de lesão na coxa, Jadson fica no banco de reservas.


COMPARTILHE A NOTÍCIA: