Romero chama Santos de 'pequeno' e é respondido por zagueiro santista: 'Moleque' - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Romero chama Santos de 'pequeno' e é respondido por zagueiro santista: 'Moleque'

Reprodução: Globo Esporte

Envolvido em polêmicas no empate em 1 a 1 diante do Santos, neste domingo, no Pacaembu, o atacante paraguaio Ángel Romero causou mais uma polêmica após o término do confronto. Em entrevista à repórteres de Rádio, o atacante explicou o lance que aconteceu no final do segundo tempo, quando deu um carrinho na linha de fundo e foi agredido por um atleta santista que estava no banco de reservas.



Segundo Romero, o zagueiro Luiz Felipe deu uma 'porrada' nele quando esteva caído no chão. Na sequência, o paraguaio chamou o Santos de 'time pequeno'.

"O cara me deu uma porrada, mas tá tudo bem, é parte do jogo, olha como estão comemorando. É time pequeno", disparou Romero.

Nos vestiários, o zagueiro David Braz, do Santos, respondeu Romero. O defensor revelou que conversou com Balbuena para alertar Romero sobre as provocações. Braz classificou o atacante alvinegro como 'moleque'.




"Ele é um jogador que gosta de polêmica. Todo mundo fala muito dele, coisas negativas. Ele gosta de ficar chamando a atenção, gosta de provocar, mas não gosta de ser provocado. Naquele lance ali no banco de reservas, a bola já tinha saído há muito tempo quando ele deu o carrinho. Aí ele fez aquela encenação de dar um carrinho no meio dos nossos jogadores. Se algum jogador do nosso time fez alguma coisa ali foi uma reação. Se alguém fez alguma coisa ali, foi porque ele provocou. Falei para o Balbuena falar isso para ele, porque é parceiro dele, do mesmo país, mesma língua. Falei para ele: "Fala você, porque eu não tenho paciência para falar com esse moleque aí, não". Moleque!", retrucou Braz.



COMPARTILHE A NOTÍCIA: