Com uma dúvida, Carille define Corinthians para visitar o Independiente-ARG - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Com uma dúvida, Carille define Corinthians para visitar o Independiente-ARG

Timão escalado

O Corinthians treinou pela última vez antes de encarar o Independiente-ARG, nesta quarta-feira (18), em Avellaneda, pela terceira rodada da frases de grupos da Libertadores da América. O zagueiro Henrique é dúvida para o confronto, e Mateus Vital sai para o retorno de Jadson.



A atividade de hoje foi marcada pelo famoso "rachão" entre os jogadores. Na parte final do treino, Carille reuniu 12 jogadores e falou com o grupo sobre a difícil partida diante do maior campeão da Libertadores. Pedro Henrique estava no bolo porque entrará como titular caso Henrique, com dores, seja desfalque.

No esquema 4-2-4, a escalação alvinegra foi definida da seguinte maneira: Cássio, Fagner, Balbuena, Henrique (Pedro Henrique) e Sidcley; Ralf, Maycon, Romero Jadson, Rodriguinho e Clayson.

Com quatro pontos no Grupo 7 da Libertadores, o Corinthians jogou duas vezes na competição: empate diante do Millonários-COL, fora de casa, e vitória por 2 a 0 sobre o Deportivo Lara-COL, em Itaquera.



Após o treino, Fábio Carille falou com a imprensa e explicou algumas questões sobre o jogo. (veja as principais declarações abaixo)

HENRIQUE É DÚVIDA?
"Henrique está melhor do que estávamos esperando. Vamos ver como vai acordar amanhã, está um pouquinho travado ainda. Por ele e pelos médicos, tem tudo para acordar bem. Se acaso não acordar bem, Pedro Henrique joga."

JADSON TITULAR
"Jadson hoje nessa formação é nosso titular. Levei ele para o jogo contra o Palmeiras sem ele estar em suas melhores condições, foi pela grandeza do jogo, sabia que poderia usá-lo por 60 minutos. A gente preferiu tirar ele neste momento para ele fazer um trabalho sexta e sábado dois períodos. Agora, até a parada para a Copa, são 17 jogos, não teremos tempo para respirar. Foi o momento que retiramos para ele melhore essa condições física."




COMPARTILHE A NOTÍCIA: