2

Henrique usa Neymar para defender Romero, mas Balbuena critica atacante

Divulgação

Os jogadores do Corinthians foram sabatinados pelos repórteres após a vitória corinthiana sobre o Palmeiras pelo placar de 1 a 0. O motivo foi um só: a embaixadinha de cabeça do atacante Romero já no segundo tempo do dérbi que os rivais entenderam como lance provocativo do paraguaio.



Os zagueiros Henrique e Balbuena tiveram opiniões distintas sobre a jogada de Ángel Romero. Para Henrique, o mesmo lance protagonizado pelo atacante Neymar, um dos principais atletas do mundo, não causaria repercussão.

Se o Neymar faz aquilo ali é normal, ali é normal também. A bola foi na cabeça dele. Ele não ergueu a bola e colocou na cabeça”, disse Henrique.

Balbuena, em contrapartida, reprovou a atitude do companheiro de time e de país. O defensor paraguaio revelou que conversou com Romero ainda dentro do gramado.


“Até falei pra ele em campo que não era necessário, mas cada um faz as suas coisas. Se fosse do outro lado, eu ficaria chateado, mas cada um faz o que quer. O importante é que vencemos”, declarou Balbuena.

O meia Rodriguinho foi outro a comentar o lance. Para o autor do gol da vitória alvinegra, Romero tem por característica irritar os adversários, e isso seria uma arma do Timão nos jogos.

"Teve, né (provocação). Não tem como negar. É o estilo dele. Ele consegue irritar todo mundo, a equipe adversária, tira o foco dos jogadores adversário. Faz parte", afirmou.




COMPARTILHE A NOTÍCIA: