Após vencer queda de braço nos bastidores, Sanchez provoca Flamengo - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Após vencer queda de braço nos bastidores, Sanchez provoca Flamengo


O presidente Andrés Sanchez se manifestou após a queda de braço travada com o Flamengo na última quinta-feira. A equipe carioca pediu à CBF o adiamento da primeira partida semifinal da Copa do Brasil, diante do alvinegro paulista, dia 12 de setembro.



A CBF e a Rede Globo negaram o pedido do clube carioca. Ao jornalista Jorge Nicola, o mandatário do Corinthians comentou sobre a polêmica e provocou.

“Não vão adiar jogo nenhum. Só se mudarem meu nome”, disse Andrés, antes de ser questionado sobre a queda de braço travada nos bastidores. “Se eu perder para o Bandeira, tenho que ir embora do futebol”, completou.

O Flamengo preferiu não se manifestar sobre as palavras de Andrés, mas o presidente Bandeira de Melo já havia dito o seguinte anteriormente. “O Flamengo será prejudicado tecnicamente por uma decisão arbitrária e descabida. Soube que o Corinthians não quer. O que se explica. Eles são beneficiados”, disse Bandeira.



Corinthians e Flamengo se enfrentam duas vezes pela semifinal da Copa do Brasil 2018. O jogo de ida acontece dia 12 de setembro, enquanto a volta, em Itaquera, será no dia 26.



COMPARTILHE A NOTÍCIA: