Ralf lembra Tolima, defende Loss e manda recado aos companheiros - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Ralf lembra Tolima, defende Loss e manda recado aos companheiros

foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

As críticas ao técnico Osmar Loss não são totalmente justas na visão do volante Ralf, do Corinthians. Em entrevista após desembarcar no aeroporto de Guarulhos, um dia depois de perder por 1 a 0 diante do Fluminense, no Rio de Janeiro, o meio-campista comentou sobre a atual fase alvinegra.




Ralf lembrou de 2011, quando o Corinthians passou por um momento conturbado na história do clube. Eliminado pelo desconhecido Tolima ainda na fase pré-Libertadores, o Timão sagrou-se campeão Brasileiro no mesmo ano, e no ano seguinte conquistou Libertadores e Mundial.

"Não que estava faltando união, é que quando se perde, a cobrança é sempre maior. Temos de nos fechar ainda mais. Já revertemos situações adversas, como foi contra o Tolima, e depois conquistamos tudo. Então tem de estar mais focados", disse Ralf.

Sobre Osmar Loss, Ralf discorda da ausência de controle do treinador. Para o volante, todos são culpados da atual fase do Corinthians.



"Não que ele perdeu a mão, quando a vitória não vem, é fácil achar culpado. Não é o treinador que é culpado, não tem culpado. Claro que ele escala os 11, a responsabilidade cai maior nele, mas temos de ajudar o treinador", argumentou o volante.

Por fim, Ralf deu a receita para tentar sair da má fase: evitar tomar gols bobos. "A gente está tomando muito gol bobo. Não tomava gol e agora toma gol bobo. Precisamos acertar para não tomar mais esses gols bobos", finalizou Ralf.





COMPARTILHE A NOTÍCIA: