"Passamos se o juiz deixar", diz Flamengo; Jair responde em coletiva antes do treino - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

"Passamos se o juiz deixar", diz Flamengo; Jair responde em coletiva antes do treino

Jair Ventura coletiva Corinthians
Foto: Agência Corinthians

"...se o juiz deixar". É com essa frase que o presidente Eduardo Bandeira de Melo iniciou as provocações antes do jogo entre Corinthians e Flamengo, quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), em Itaquera, válido pela volta da semifinal da Copa do Brasil.




Em entrevista coletiva antes do treino aberto desta terça-feira, em Itaquera, o técnico Jair Ventura aproveitou para responder o mandatário flamenguista. O treinador utilizou tom ameno e evitou polêmica.

"Eu não tenho cabelo branco, mas cresci no futebol. Aprendi uma coisa em casa: eu falo com meus jogadores, e o meu presidente fala com o presidente dos outros times", disse Jair.

Jair também foi questionado sobre a equipe que enfrenta o Flamengo. O treinador alvinegro escondeu a escalação. "O time está definido, mas vi a entrevista do Barbieri e ele não revelou. Então não vou falar também, afirmou.

MAIS JAIR:




TREINO ABERTO
"Eu já tinha feito um treino aberto, foi uma experiência muito boa. No Corinthians, não tem como ser diferente. Eu vejo como algo benéfico, não tem como ser pressão, pesado. Todos estão do nosso lado, vejo como algo bom, um incentivo, a gente começa a entrar no jogo. Mas não pode passar do ponto, ter uma entrada dura... é preciso equilíbrio."

FAVORITISMO DO FLAMENGO
"O Flamengo investiu mais, como todo mundo sabe. Mas quando a bola rola não tem favorito. Aquele que botar o coração na ponta da chuteira... A gente pode substituir essa investimento com determinação tática, equilíbrio e sendo bastante competitivo. E também com a qualidade que nosso time tem podemos conseguir a classificação."




COMPARTILHE A NOTÍCIA: