Em coletiva, Jair confirma mudança que a Fiel tanto pediu; veja declarações - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Em coletiva, Jair confirma mudança que a Fiel tanto pediu; veja declarações

Foto: Agência Corinthians

O técnico Jair Ventura falou nesta sexta-feira (09) após o último treinamento antes do clássico diante do São Paulo, sábado, às 17h (de Brasília), em Itaquera, válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro 2018.



Entre outras coisas, Jair explicou a entrada do jovem Carlos Augusto na lateral-esquerda e a saída de Danilo Avelar.

"O Carlos vem treinando bem. Nessa semana que passou, por coincidência, eu o cedi ao sub-20 para jogar contra o São Paulo. Mandamos o Coelho, nosso auxiliar para assistir, e eu vi também. Ele participou do lance do gol. Ele vem treinando bem e pediu passagem. É um jogador formado no clube, de seleção brasileiro. Espero que possa nos ajudar a conseguir a vitória", disse.

"O Corinthians ficou famoso pelo equilíbrio dos laterais. O Carlos é esse jogador equilibrado, não é aquele ala, um cara muito ofensivo, vai na boa, é muito forte... tem tudo para fazer um grande jogo. Quando o jogador chega no profissional pensa que tem que fazer chover ou algo a mais, eu tento passar tranquilidade, para ele fazer o que fez no sub-20", completou.

Perguntado se havia conversado com Avelar sobre ter o sacado do time, Jair afirmou que 'sim'.

"Eu só não converso quando boto no time, para dar notícia boa não precisa. Mas para tirar eu converso, sim. Não sou o dono da razão, mas tenho minhas convicções e explico. A conversa foi muito boa. O Danilo é muito inteligente, sabe da situação e quer melhorar. Ele vai dar a volta por cima, torço por ele, é um cara do bem, um jogador que está em adaptação", argumentou.



O treinador também confirmou Araos titular caso Douglas não tenha condições de jogo diante do São Paulo. O volante sentiu dores na coxa esquerda na atividade desta sexta - clique aqui e veja.

"Espero o Douglas. Caso ele não jogue, joga o Araos", avisou.

Sobre o clássico diante do rival do Morumbi, Jair lembrou que os detalhes fazem a diferença em jogos dessa magnitude.

"É clássico. Se você ver a tabela, o São Paulo está na parte de cima, nós estamos na parte intermediária. Mas é clássico, teremos casa cheia, 35 mil ingressos vendidos, torcida vai nos empurrar. Espero que a gente esteja atento aos detalhes, que têm nos custado caro nos últimos jogos. Hoje eu só treinei bola parada. Foram 46 treinos desde que cheguei aqui e em toda véspera de jogo eu treinei bola parada. Não é falta de treinamento, mas de concentração", analisou.




COMPARTILHE A NOTÍCIA: