Sanchez fala pela primeira vez sobre retorno de Carille e cogita Jair em 2019 - É o time do povo - Notícias do Corinthians
2

Sanchez fala pela primeira vez sobre retorno de Carille e cogita Jair em 2019


O presidente Andrés Sanchez falou publicamente sobre as especulações envolvendo o retorno do técnico Fábio Carille ao Corinthians. Ao Blog do Ohata, o mandatário não descartou a possibilidade de Jair Ventura permanecer em 2019.




Andrés, contudo, abriu as portas para Carille retornar. O presidente afirmou também que não pagará salário acima do teto alvinegro para nenhum treinador.

“Todo mundo está sob risco. Até eu. Jair é hoje o treinador do Corinthians e se não vier outro treinador, ele será o treinador no Campeonato Paulista”, disse Sanchez.

“Não vou pagar R$ 800 mil, R$ 1 milhão para um treinador. Dos treinadores do mercado ele (Jair) era um nome que eu estava vendo como mais jovem, fez um bom trabalho no Botafogo, foi razoável no Santos. O menos culpado pelos resultados ruins do Corinthians no Brasileiro é ele”, completou.

Na sequência, Sanchez comentou sobre o possível retorno de Carille. O presidente disse que não existe negociação já que o treinador não se desligou do Al-Wehda, da Arábia Saudita.

“Não tem negociação. Ele nem se desligou do time lá. Conversamos direto, não tenho nenhum problema com ele. Pelo contrário. Não falamos nada. Ganha de quatro a cinco milhões de dólares por ano. Se um dia ele se desligar de lá, é óbvio que o Corinthians tem a prioridade nele”, declarou Andrés, antes de ter que explicar mais uma vez sobre a rusga que teria tido com o ex-técnico alvinegro.



“Se um dia ele voltar ao Corinthians, vocês perguntam. Ele recebeu uma proposta irrecusável que eu não podia cobrir e ele quis ir embora (…) Comigo não teve problema nenhum. Ele explicou por que fez coletiva de despedida em hotel. Já tinha se desligado, não achou justo fazer no Corinthians, depois deu entrevista ao UOL, falando que saiu por vários motivos. Depois fez correção, disse que não quis dizer aquilo.. Ninguém no Corinthians teve problema com ele. Carille é querido por mim e todo corintiano”, afirmou Andrés.

“Falaram que eu briguei com ele, que não queria ele e agora estão falando que está voltando. Não dá pra entender. Carille merece todos prêmios e títulos possíveis do Corinthians. Ele é querido, ficou quase 10 anos no clube. Se um dia ele voltar, as portas sempre estão abertas”, completou.



COMPARTILHE A NOTÍCIA: