Veja as reclamações de Renato Gaúcho após empate diante do Corinthians - É o Time do Povo - Notícias do Corinthians
2

Veja as reclamações de Renato Gaúcho após empate diante do Corinthians

Renato reclamou da retranca do Corinthians e também de pênalti não marcado a favor do Grêmio / Foto: Reprodução ESPN

O técnico Renato Gaúcho falou após o empate sem gols diante do Corinthians, na Arena Grêmio, e reclamou de duas coisas em específico: a retranca de Fábio Carille e o pênalti não marcado a favor do Grêmio, num suposto toque de mão do meia Sornoza dentro da área.



Renato iniciou a coletiva alfinetando o estilo de jogo de Carille. O treinador do Grêmio disse ser 'muito mais fácil destruir do que construir' no futebol, numa clara menção ao jogo defensivo praticado pelo Time do Povo em Porto Alegre.

"Eu gostei da equipe hoje. Mas é muito mais fácil no futebol você destruir do que construir. Tentamos de todas as formas. Não conseguimos furar o bloqueio do Corinthians. Corinthians é bem treinado, se defende muito e muito bem. Nós tentamos de todas as formas. Não conseguimos êxito para fazer o gol. Não é fácil jogar contra o Corinthians. Eu gostei da equipe. Faltou o gol. O gol não saiu", disse Renato.


O treinador do clube gaúcho ainda criticou os critérios de arbitragem. Para Renato Gaúcho, a decisão do árbitro central precisa ser respeitada e não interferida pelo VAR. Renato reclama de uma suposta penalidade não marcada para o Grêmio em lance envolvendo o equatoriano Sornoza.

"O que mais cobro do Gaciba é que o árbitro é quem manda. O cara do VAR não pode decidir se foi pênalti ou não. Quem manda na partida é o árbitro do jogo. O VAR chama o árbitro e quem vai decidir é o juiz do jogo. Essa é a única bronca que eu tenho. Então, resumindo, quem decide é o VAR", reclamou Renato.




NOS AJUDE A ALCANÇAR 1 MILHÃO DE FÃS NO FACEBOOK. CLIQUE EM CURTIR!

É O TIME DO POVO ESTEVE NO DERBY QUE TERMINOU EMPATADO


JÁ TÁ ROLANDO CONTEÚDO EXCLUSIVO NO CANAL. INSCREVE AÍ!




COMPARTILHE A NOTÍCIA: