Há oito anos, dois ídolos nasciam e o Corinthians fazia história contra o Vasco - É o Time do Povo - Notícias do Corinthians
2

Há oito anos, dois ídolos nasciam e o Corinthians fazia história contra o Vasco

Defesa de Cássio virou histórica neste dia



Faltas, carrinhos, defesa milagrosa e gol salvador para lá de 40 minutos; não faltaram elementos para deixar a partida entre Corinthians e Vasco, em 2012, pelas quartas de final da Libertadores da América, emocionante. Hoje, neste 23 de maio, completa-se oito anos de um dos dias mais 'loucos' para a Fiel Torcida.

O palco era o Pacaembu. No primeiro jogo, empate em 0 a 0 dava a vantagem da classificação para qualquer vitória ou até para empate com gols ao clube carioca. A repetição dos mesmos zeros resultava nas penalidades.

E o jogo começou. Foi tenso, nervoso. Chances para lá e para cá. Porém, já aos 18 minutos do segundo tempo, o corinthiano tomou um dos maiores sustos da vida como torcedor. Após erro do lateral-direito Alessandro no levantamento para a área, Diego Souza intercepta o passe e sai correndo, completamente sozinho. Como disse o próprio ex-lateral do Timão, "ali só restava rezar e torcer". O estádio parou durante os segundos que Diego Souza correu com a bola. Cássio não se desligou. Esperou a definição do atacante e, com a ponta dos dedos, deu um toque salvador que foi comemorado como gol pelo estádio. Àquela altura, se toma o 1 a 0, o Timão precisaria de ao menos dois gols para se classificar, algo complicado em um jogo tão difícil.

Quando tudo caminhava para os pênaltis, aos 42 minutos, uma bola levantada na área por Alex a partir de um escanteio encontra a cabeça do volante Paulinho, que sobe alguns andares para testar firme no fundo das redes. O Pacaembu explodiu. Tite, expulso, acompanhava o jogo nas arquibancadas do estádio, como um legítimo torcedor.

O Corinthians, então, se classificou para as semifinais contra o Santos. O resultado: o primeiro título da Libertadores.




VEJA MAIS:
Vágner Love encabeça lista de dispensas
Gil terá um novo companheiro de zaga no Corinthians
Sampaoli quer meio-campista do Corinthians
Mais habilidoso e melhor finalizador; Corinthians prepara transição do "novo Pedrinho"
Jô quer retornar ao Corinthians
Veja a suposta nova camisa do Corinthians 20/21 que vem dando o que falar
NOS AJUDE A ALCANÇAR 1 MILHÃO DE FÃS NO FACEBOOK. CLIQUE EM CURTIR!


SE INSCREVA EM NOSSO CANAL




COMPARTILHE A NOTÍCIA: