Arthur Elias publica nota após acusações de treinador santista : "Declarações mentirosas" - É o Time do Povo - Notícias do Corinthians
2

Arthur Elias publica nota após acusações de treinador santista : "Declarações mentirosas"

Foto: Agência Corinthians


O técnico Arthur Elias, do Corinthians, se manifestou nesta sexta-feira (10) para afirmar que são "mentirosas" as acusações do treinador Guilherme Giudice, do Santos, em entrevista coletiva ainda na Vila Belmiro após a vitória corinthiana por 5 a 2, pelas quartas de final do Paulistão de 2020.


Na ocasião, Guilherme mostrou-se bastante incomodado com o que supostamente ocorreu após o primeiro gol corinthiano. Assim como a atacante Cristiane, o comandante santista afirmou que Arthur Elias fez um "gesto obsceno" para provocar o clube praiano. "O Arthur teve uma atitude inconveniente e irresponsável que poderia ter gerado confusão maior. Acho que tem que ter respeito. Ele veio pedir desculpas, sabe que errou, mas a gente tem que tomar cuidado, principalmente nós treinadores que estamos ali, na beira do campo. Nós temos que ser exemplo sempre. Ele ficou bravo com uma reclamação que fiz com o árbitro, logo depois saiu gol do Corinthians e ele fez um gesto obsceno, falando palavras de baixo teor voltado para nossa equipe. Com certeza ele vai repensar nessa atitude, vai entender que tem que tomar cuidado. A arbitragem não pode permitir esse tipo de atitude", declarou.

CLIQUE AQUI E ENTENDA O QUE OCORREU NA CONFUSÃO

Em nota oficial, Arthur afirmou que apenas disse "chupa" para o banco santistas, mas que não existiu gesto nenhum. Ele classifica como "mentirosas" essas acusações vindas do treinador santista.

LEIA ABAIXO NA ÍNTEGRA:

Há 15 anos me dedico incansavelmente ao futebol feminino. Neste anos todos trabalhei (e sigo trabalhando) muito sério, com respeito e visando o desenvolvimento da modalidade no Brasil. 15 anos não são 15 dias, estou nessa muito antes do merecido espaço que hoje o Futebol feminino vem conquistando. No jogo de ontem, tive uma discussão com a comissão técnica do Santos. Respondendo as provocações do Treinador Guilherme e do Murilo, preparador fisico, aliás tudo isso acompanhado de perto pela quarta árbitra Marianna e a auxiliar Marcela, acabei entrando na provocação e no momento do nosso gol disse “chupa” para o Murilo. Inclusive é a esta discussão que a súmula da partida se refere. Prontamente no intervalo me dirigi ao Guilherme e pedi desculpas, assim como ele me pediu pois sabe que iniciou as provocações.

Uma discussão entre comissão técnica, no calor do jogo e da minha parte resolvida dentro das 4 linhas. Não fiz gesto obsceno para a comissão e muito menos faria para qualquer atleta, pois esse tipo de comportamento não faz parte do meu caráter não só como treinador, mas principalmente como ser humano. Fiquei extremamente perplexo ao me deparar com as declarações mentirosas do treinador do Santos e também com matérias que seguiram a mesma linha sem ouvir todos os lados e checar o gravíssimo fato INVENTADO.

A luta do futebol feminino para estar no seu devido lugar é muito grande, árdua e está longe do fim. Que o respeito sempre seja exigido por todos os lados, mas peço que as “malandragens” não tomem espaço do trabalho sério, que as fake news não fiquem na frente dos fatos e que, principalmente, o jogo seja decidido dentro de campo desportivamente.

Com o respeito que sempre pautou minha carreira e minhas atitudes, um abraço a todos e seguimos trabalhando.

Arthur Elias




VEJA MAIS:
Há convicção no Corinthians que surgiu um Pedrinho melhorado
Romero pode ir a rival do Corinthians
Gaviões lança projeto para salvar Corinthians das dívidas
Sornoza faz "gol que Pelé não fez" no Equador; assista
Lembra dele? Mendoza desejo de dois gigantes europeus


🆂🅸🅶🅰-🅽🅾🆂    🅽🅾    🅵🅰🅲🅴🅱🅾🅾🅺

🅸🅽🆂🅲🆁🅴🆅🅰    🅽🅾    🆈🅾🆄🆃🆄🅱🅴





COMPARTILHE A NOTÍCIA: