Diretoria culpa Neto por 'não' de Renato Gaúcho e tenta expulsá-lo do Conselho - É o Time do Povo - Notícias do Corinthians
2

Diretoria culpa Neto por 'não' de Renato Gaúcho e tenta expulsá-lo do Conselho

Foto: Divulgação

A diretoria do Corinthians, mais especificamente Roberto de Andrade, entrou com ação para expulsar o apresentador Neto, da TV Band, do quadro de conselheiros do clube paulista. O motivo tem relação com a recusa de Renato Gaúcho.



Neto afirma que foi acusado de impedir que Renato Gaúcho fosse o novo comandante do Corinthians. Isso porque em no mês de maio, quando o Timão negociava com o atual técnico do Flamengo, o apresentador deu a seguinte opinião: "Não vem que você vai se danar, Renato! Vai brigar para não cair com esse time, com essa administração, e sem dinheiro. E você no Grêmio só brigava por título na Copa do Brasil e Libertadores".

Nesta quinta-feira (12), Neto revelou detalhes sobre a ação movida pelo diretor Roberto de Andrade. "A primeira ideia era o Renato Gaúcho. Aí o Roberto de Andrade falou que por causa de mim não conseguiu contratar. Eles entraram com uma ação contra mim lá no Conselho do Corinthians, dizendo que o Renato Gaúcho não foi para o Corinthians por causa das minhas críticas aqui (Os Donos da Bola)", disse.



"Eles entraram com uma representação para que eu não seja mais conselheiro do Corinthians. Talvez eles estejam com medo de que eu seja presidente em 2023. Agora, se eu tenho essa força toda pro Renato não vir para o Corinthians, imagina quando me candidatar a presidente", concluiu Neto.

Em entrevista ao podcast "Podpah", nesta quinta, Neto assumiu o desejo de se tornar presidente alvinegro. "Meu novo objetivo de vida é ser o novo presidente do Corinthians, ou vice. Em 2023", afirmou.



VEJA MAIS


COMPARTILHE A NOTÍCIA: